terça-feira, 22 de setembro de 2009

II Caminhada em Defesa da Liberdade Religiosa


Pelas informações e imagens que vi da passeata que reuniu mais de 50 mil pessoas na orla de Copacabana, nesse último domingo, para a II Caminhada em Defesa da Liberdade Religiosa; percebo que a cidade esta prestes a incorporar em seu calendário uma importante data.

A passeata que teve o apoio da Petrobras - cabe o registro, reuniu seguidores de crenças e matrizes africanas, como o candomblé e a umbanda; além de muçulmanos, judeus, católicos e presbiterianos, entre representantes de várias outras religiões, às 14h, do Posto Cinco até a Praça do Lido. Se nos próximos anos esta iniciativa obtiver o apoio governamental adequado, poderá ser introduzida, em âmbito oficial, ao calendário da cidade e ajudá-la em diversos aspectos, que vão do turismo à implementação de cultura e cidadania para o povo carioca.

Lembremo-nos ainda, que foram as religiões afro-brasileiras, como o candomblé, fundamentais para instituir festas religiosas como o Réveillon aqui na cidade - hoje mundialmente conhecido, trazendo recursos financeiros de grande porte e valia para esta cidade.

2 comentários:

ligia disse...

Ao longo do tempo as questões religiosas vem causando guerras, conflitos, assassinatos, coisas contraditórias com as verdadeiras praticas espirituais se observarmos cada crença, opinião e pratica ( que não cause danos a natureza ou a outros, claro)com respeito e integridade, a vida se tornará muito melhor.
Liberdade religiosa é um direito de todos.

Alexandre Sobral R. Horta disse...

A fé remove montanhas...